quarta-feira, 15 de maio de 2013

A nova Moralidade - Gálatas 5:19; 6:7-8



1. O que é a nova moralidade? - A nova moralidade é um conjunto de regras e valores ensinados por artistas e filósofos modernos que questionam a validade dos princípios de Deus, dizendo que são antigos e impossíveis de serem aplicados hoje. Esse conjunto de regras e valores são amplamente ensinado pelos meios de comunicação e defendidos por pessoas de grande influência na sociedade. É muito fácil perceber as mudanças de valores quando se assiste a uma novela. Vemos infidelidade, prostituição, homossexualismo, feitiçaria. Esses e outros velhos pecados são pintados e coloridos de tal forma que o público passa a pensar que isso não é tão ruim assim como dizem os antigos. O resultado é que quando uma mentira é tão amplamente difundida e apregoada, passa a ser vivida e transformada numa "verdade" e é precisamente isso que é a nova moralidade, que nada tem de novo, mas é o velho pecado com cores diferentes.
2. O que ensina a nova moralidade?   - Enfatiza a importância do amor. A definição que a nova moralidade dá do amor não é a definição da Bíblia. Amor é parte da natureza de Deus. O amor cristão é caracterizado em dar. "Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu... ... "Por outro lado, parece que a nova moralidade toma o amor uma coisa humana. Ela faz do amor humano a autoridade absoluta em decidir o que é certo e o que é errado. 
3. O pecado em nome do amor  - O amor tem que ser preservado pela vontade divina. Não podemos preservar o amor dando ouvidos ao raciocínio humano.A tendência na Europa, hoje em dia, é pôr em dúvida a vontade divina em nome do amor. "É assim que Deus disse?" Perguntam eles, como a serpente perguntou a Eva no Jardim do Éden. Não é amor, perguntam, encurtar o tormento da espera permitindo o sexo pré-marital? Não é amor, aperfeiçoar o sexo encorajando a masturbação e até mesmo as relações homossexuais entre adolescentes? Não é amor, fornecer anticoncepcionais aos ginasianos? Não é amor, permitir que seu esposo ou esposa tenha relações sexuais com outra pessoa, contanto que se amem? Não é amor, questionam, dar à moça solteira o direito de ter um filho? 
4. Consequências da nova moralidade -  Não vos enganeis: Deus não se deixa escarnecer. Tudo o que o homem semear, isso também ceifará (Gl. 6: 7) Com a palavra de Deus não se brinca. Quantas tragédias, desgraças e degradação vemos por causa de desrespeito à palavra de Deus? Quantos jovens estão hoje morrendo nos hospitais por causa de alguns minutos de prazer sexual? Quantas famílias destruídas, quantas mulheres morrendo por causa do pecado sexual do marido? Milhões já morreram e milhões estão na fila da morte por causa do pecado. 
5. A Palavra de Deus descreve os pecados sexuais como obras da carne (Gl 5:19-21)  - Prostituição, impureza, lascívia. A palavra "porneia", que é traduzida por "prostituição", é um termo mais abrangente e inclui todos os tipos de pecados relacionados com o sexo, desde o homossexualismo, lesbianismo, fornicação, adultério, pedofilia, até o bestialismo. Qual será a sua decisão?

Nenhum comentário:

Postar um comentário